Home office: dicas para se organizar e trabalhar bem em casa

Home office: dicas para se organizar e trabalhar bem em casa
O que antes era apenas uma tendência de mercado, agora veio para ficar. Estamos falando do home office, ou escritório em casa, uma das principais mudanças percebidas na composição dos lares neste tempo de pandemia.
O isolamento social levou muitas empresas a permitir que seus colaboradores trabalhem em casa. E neste contexto, surgiu a necessidade de separar um local que fosse apropriado para tal finalidade. Afinal, é praticamente impossível ter uma boa produtividade sentado no sofá da sala ou na mesa da cozinha.
Mas, afinal, como montar um home office, se organizar e trabalhar bem em casa? As respostas estão nas dicas a seguir:

Separe um ambiente arejado
O escritório da casa precisa ser reflexo do escritório da empresa, ou seja, deve ser um espaço que garanta todos os fatores necessários para a produtividade. E o primeiro passo é ter uma área adequada para tal finalidade, de preferência bem arejada e iluminada.
Se você tem um cômodo de sobra na sua casa, como um quarto de visitas ou uma varanda bem ampla, talvez eles possam receber o seu escritório. Se for preciso aproveitar um canto de sobra na sala ou no seu próprio quarto, tenha em mente que será preciso delimitar bem as funções.
Isso é possível com uma boa decoração e a escolha certa dos móveis, que é o tema do próximo tópico.

Tenha móveis adequados
Conforme mencionamos anteriormente, é praticamente impossível ter uma boa produtividade trabalhando no sofá da sala ou na mesa da cozinha. Além da falta de ergonomia (boa postura), os dois ambientes costumam ser áreas de grande circulação de pessoas.
Mas se for preciso integrar o home office a outro ambiente, como a própria sala ou um quarto, a solução será os móveis, que vão delimitar o espaço dedicado ao trabalho e proporcionar a ergonomia necessária.
Basicamente, o home office precisa ter: bancada ou escrivaninha, de preferência com gavetas; cadeira; organizadores, como nichos e prateleiras; e os materiais de escritório, como computadores, agendas, canetas, entre outros.
Se necessário, o morador também pode recorrer a um escritório planejado, que poderá ser feito em um determinado espaço, aproveitando melhor a área disponível, sem comprometer a decoração original do ambiente.

Faça uma boa gestão do tempo
Embora seja sinônimo de praticidade, o home office só será, de fato, produtivo, se o morador da casa souber fazer uma boa gestão do tempo. Isso quer dizer que é preciso separar o período do trabalho do momento dos afazeres domésticos. Daí a importância de ter um ambiente exclusivo para as tarefas profissionais.
A organização do tempo, a ergonomia proporcionada pelos móveis adequados e um ambiente arejado são os fatores essenciais de um home office. E com planejamento, de tempo e até da decoração, o trabalho pode ser ainda mais proveitoso.

Para conhecer algumas soluções para o seu home office, entre em contato conosco.

Texto por Caroline Pereira
Imagen/Rimo